GBU CLOCK

domingo, 28 de agosto de 2011

OVNI sobrevoa Furacão Irene.

OVNI captado em transmissão da ISS

Nestes últimos dias inexplicavelmente situações estranhas como aparições ufológicas tem acontecido durante alguns eventos proporcionados pela natureza, entre eles, o mais recente e talvez surpreendente foi a passagem de um suposto OVNI sobre o Furacão Irene (26/08/2011) enquanto a tormenta de proporções assustadoras era filmado por um astronauta da ISS - Estação Espacial Internacional a qual sobrevoava parte do território americano atingida pelo Furacão.

A rápida passagem do OVNI sobre o Furacão Irene

Nas imagens extraídas por um telespectador americano de uma rede de TV enquanto assistia as últimas informações, no decorrer à transmissão é possível ver durante os 00:55 segundos uma estranha silhueta passando por debaixo da ISS em grande velocidade indo em direção ao furacão, contudo não há como indicar em precisão se é um satélite orbital que monitora nosso espaço e se o mesmo estaria sendo deslocado para capturar informações do Irene.

Na ampliação o formato do objeto é disforme ao que conhecemos em tecnologia terrestre

Nenhuma autoridade americana ou especialistas no assunto manifestou até o presente momento qualquer teoria sobre a suposta nave extraterrestre. Para nós do Grupo Brasileiro Ufologia o objeto tem características peculiares e com traços de uma tecnologia até então desconhecida.

Vídeo:


video

Fonte consultada: Ghost Theory

Depois de algumas repercussões recebemos e-mails (inclusive agradecemos a todos por está atenção) questionando se nós acreditavamos realmente que o suposto Objeto Voador não Identificado era extraterrestre e a nós alguns pesquisadores sugeriram os links originais para confrontar com a versão caseira que expomos nesta matéria.

Diante a nossa impressão do caso, e por qual mantivemos sempre atentos a novas informações, entre fontes e mesmo pessoas que dedicam seu tempo à pesquisa em grau cauteloso, alguns aspectos foram observados nas imagens originais que vamos apresentar onde o OVNI que se revelou durante uma filmagem do Furacão Irene foi compelido como uma partícula de poeira ou um fragmento que tenha desprendido - se do interior da ISS no instante que o astronauta filma a tormenta sobre o Atlântico, tal partícula ou fragmento tem uma tragetória estranha, se observar - mos no vídeo à seguir (começo entre 00:04:50) ela faz uma curvatura em uma das hastes (Soyuz) na ISS antes de seguir em movimento retilíneo, e conseguinte repete o movimento na segunda haste antes de prosseguir.

Trajeto percorrido pelo suposto OVNI

Tal efeito não assegura com exatidão que sejam partículas e fragmentos, porém, não descarta a possibilidade, e sugere mais atenção antes à qualquer hipótese que venha á ser plausível descartando a aparição do OVNI ...

Neste frame constata-se mais uma vez a possibilidade de um objeto ter mesmo passando pelas hastes de ponta a ponta da ISS, em seu último percurso desvia-se da segunda haste saindo em disparate pelo espaço.

O objeto não identificado desvia-se da segunda haste da ISS

Vídeo (Original) gravado da ISS:

video

Fonte: Grupo Brasileiro Ufologia

Um comentário:

  1. Que lixo espacial inteligente !

    Como é possível desviar da haste sem bater ?

    ResponderExcluir